29/09/2021

Denúncia do CRECI-MS desencadeia operação conjunta e empresa de consórcio é interditada

Uma empresa de consórcio foi interditada e sete pessoas autuadas durante operação conjunta do CRECI-MS, PROCON-MS e DECON-MS, realizada na manhã desta terça-feira (28).

Após trabalho de investigativo do departamento de fiscalização, o CRECI-MS levou denúncias aos demais órgãos sobre irregularidades cometidas por empresas de consórcio em Campo Grande.

Vendedores de consórcios se utilizam de propaganda enganosa e que podem caracterizar exercício ilegal da profissão de corretores de imóveis. Na prática, eles utilizam imagens de imóveis à venda na internet e fazem anúncios oferecendo parcelas acessíveis, sem burocracia e sem consulta aos órgãos de proteção ao crédito “SPC e Serasa”.  Os consumidores acreditam que estão comprando o imóvel do anúncio, mas só depois vão saber que compraram um consórcio e que terão que esperar o sorteio ou dar um lance para retirar uma carta de crédito.

Foram dois estabelecimentos fiscalizados nesta manhã, ambos ligados a mesma empresa de consórcio. Sete vendedores foram notificados pelas irregularidades nas propagandas que são feitas em perfis da rede social dos próprios vendedores. Um estabelecimento foi interditado por estar sem alvará de funcionamento e em desacordo do PROCON/MS.

A prática de propaganda enganosa e que pode configurar exercício ilegal da profissão tem se tornado comum e alvo já de outras fiscalizações conjuntas com objetivo de coibir as irregularidades.

“Nosso objetivo é resguardar a sociedade e combater o exercício ilegal da profissão, garantindo que apenas profissionais habilitados e capacitados estejam atuando com negociações imobiliárias”, comenta o presidente do CRECI-MS, Eli Rodrigues.

O Conselho alerta que ao fazer uma negociação imobiliária é preciso consultar o número do registro profissional da pessoa. Isso pode ser feito neste link: https://www.crecims.conselho.net.br/form_pesquisa_cadastro_geral_site.php.

Denúncias podem ser feitas pelo site do CRECI-MS: crecims.gov.br ou também pelo WhatsApp: 9 9234-8680.

Denúncia do CRECI-MS desencadeia operação conjunta e empresa de consórcio é interditada

Galeria de fotos

clique na imagem para ampliar
Denúncia do CRECI-MS desencadeia operação conjunta e empresa de consórcio é interditada Denúncia do CRECI-MS desencadeia operação conjunta e empresa de consórcio é interditada